26 de agosto de 2015

Recebidos + Parceria Viva Marie

Vim contar para vocês mais uma novidade INCRÍVEL aqui no blog!!! (que rufem os tambores...) Agora é oficial, temos a nossa primeira parceria: A loja Viva Marie! Que é uma loja online especializada na venda de cosméticos, perfumaria, acessórios e maquiagens, com uma vasta diversidade de produtos e as melhores marcas do mercado.
COMO CONHECI A VIVA MARIE:
Antes de ser Viva Marie e ser uma loja online, ela era uma loja física em Jequié e se chamava Siará Semi Jóias. Conheci o pessoal através de uma amiga, a Carol, e logo em seguida houve um curso de automaquiagem realizado na loja e eu fui participar (tem até um post sobre o evento, olha lá). Mas não demorou muito tempo para a Siará Semi Jóias se tornar a Viva Marie... Agora com um novo nome e uma nova roupagem virtual,  pronta para atender todo o território BR. 


E para comemorar com grande estilo, recebi esse kit maravilhoso de esmaltes da Gio Antonelli para a Hits. Não preciso nem falar que AMEI né! Esmalte é tudo de bom! 



A boa notícia é que vocês também podem garantir esse kit através da loja e aproveitem por que está numa promo incrível com FRETE GRÁTIS(quem faz compra pela internet sabe o sofrimento que é pagar esse carinha) Além de mais um montão de outros produtinhos. É só clicar aqui.
Isso foi ideia do meu pai! 

Quem conhece a coleção de esmaltes da Gio sabe que tem uma cor mais linda que a outra! Algumas eu já conhecia e outras não.

Fiquem ligados no blog e também nas redes sociais porque tem muita novidade boa por ai!!

20 de agosto de 2015

Ano novo, vida nova | Parte II: A mudança + Morando Sozinha


Morar sozinho é uma decisão marcante na vida da gente. Para os pais, é aquele aperto no peito, de deixar os filhos saírem de debaixo de suas asas para enfrentar esse mundo cruel sozinhos. No início parece que não vai dar certo, que a gente nunca vai se acostumar a voltar pra casa sozinho, com um pia cheia de louça nos esperando, mas aos poucos você aprende a compreender as suas manias, a dar valor às coisas que antes não fazia questão, a estabelecer suas próprias metas e aprende a ter responsabilidades de verdade também, como não esquecer de olhar a caixa de correio e pagar as contas.

Estou morando em Salvador, e adivinha? SO-ZI-NHA (não literalmente sozinha, divido apartamento com a Amanda, que é de Jequié que nem eu). Quando que eu imaginaria isso pra minha vida? Nunca passou pela minha cabeça morar por aqui "o queee aquela cidade velha?" sendo perseguida por soteropolitanos em 3.. 2..1 mas paguei a língua. Quando soube que teria que me mudar pra cá, já estava preparada pra morar num quarto-cozinha simples, mas aí me deparo com um condomínio que só imaginei por os pés depois de formada.  Parando pra pensar, eu só tenho a agradecer!

Lá em fevereiro, tive que viajar de Jequié para Salvador em duas semanas seguidas, no bate e volta mesmo, chegava de manhã cedo e voltava de tarde para acertar meus documentos na faculdade (que até então era a Unifacs, que eu expliquei tudinho na Parte I) Veja também: Ano novo, vida nova | Parte I: O Curso

Primeiro eu quero dizer que sair de casa não foi tão ruim como eu imaginei que seria. Sério!! Tipo uma semana antes e uma semana depois da mudança, a ficha parece que não cai sabe, você tá arrumando as malas, colocando suas coisas nas caixas, mas ainda não acredita que aquilo REALMENTE ESTÁ ACONTECENDO. Depois só parece que você está passando as férias na casa de uma amiga ou algo do tipo e aí você só se dá conta quando a comida não aparece em cima da mesa, o café não está pronto, a louça não lava sozinha. MEU DEUS, TEM QUE LAVAR A LOUÇA!! kkkk brincadeiras a parte.. a gente aprende a se virar.

4 coisas que você precisa saber e fazer antes de morar sozinha(a).

PESQUISAR APARTAMENTOS. Geralmente apartamentos na rua da faculdade ou muito próximos, costumam ser mais caros.

QUANTO MAIS INFORMAÇÕES, MELHOR. Se você estiver procurando imóveis pela internet, preste atenção naqueles que possuem bastante fotos, e que dê uma localização precisa do AP (google maps ajuda muito nessa hora)

OPTE POR BAIRROS PRÓXIMOS E VISITE PESSOALMENTE. Conheça a vizinhança, veja se é bem localizado, se possui pontos de ônibus por perto, padarias, farmácias, supermercados etc. Além de conhecer o imóvel né! Ver o que as fotos não mostram: manchas de infiltração, parte elétrica, torneiras e vaso sanitários, box, pintura, além de conferir se as janelas e portas são bem vedadas e estão em bom estado. Observe também se o local é arejado e com boa circulação de ar.

VEJA SE CABE NO SEU ORÇAMENTO. Eu sei, você vai se apaixonar por vários, mas assim que ver o preço... seu coração vai despedaçar! Então limite os valores na sua busca.

(...)

Passei vários dias procurando apartamentos, kitnets e quartos para alugar em sites de imóveis (mas só olhei um pessoalmente nos dias que estive lá, por que quando conversei com Amanda e decidimos morar juntas, ela já tinha visto um lugar). 

Chegou à conclusão que vai morar sozinha – OK
Já conversou com pai e mãe pra ver se nenhum vai fazer melodrama – OK
Pesquisou apartamentos – OK
Previu gastos fixos – OK

Agora é hora de listar o que você vai precisar para montar seu novo lar. Pra mim, essa é uma das partes mais legais, comprar móveis novos, utensílios e ver seu cantinho tomando forma! Pra começo de conversa... você só precisa do basicão mesmo. Aos poucos, você pode ir decorando e deixando o espaço com sua cara! 
Meu cantinho preferido, mas já tá bem diferente daí. Quem sabe rola um tour de novo! 

Colocando os móveis no lugar.











Vendo o Sol nascer no ponto de ônibus












Não é o mar, mas a vista da minha janela é maravilhosa!!! Av. Paralela











































É tanta novidade e tantas coisas acontecendo ao mesmo tempo, a expectativa pra chegar os móveis, aprender a pegar os ônibus certos, conhecer a cidade... a faculdade, fazer novos amigos! 

Eu já fui em Salvador várias vezes, mas só estou conhecendo a cidade de fato agora! Passo por lugares que nunca fui antes e perdi o medo de andar sozinha de ônibus (uma vez peguei o ônibus errado, mas um amigo meu disse que a gente só conhece a cidade se perdendo). Já me acostumei com a rotina de cidade grande, pegar ônibus, esperar o ônibus. E outra!! Já passei da minha fase do miojo e até que tô me virando bem na cozinha! Já salvei várias receitas pra testar em casa! Master Chef que me aguarde!

Outra coisa que eu achava um absurdo quando alguém que mora lá lá, porque agora estou em Jequié me dizia que tinha anos que não ia a praia. COMASSIM GENTE?! TU MORA EM SALVADOR E NÃO VAI NA PRAIA????? Agora perguntem pra mim quantas vezes eu fui na praia nesses 6 meses que tô morando lá. Acertou quem disse nenhuma

Uma das partes mais chatas da mudança toda, foi quando tive que ver meus pais voltando pra Jequié, deu aquele aperto no coração sabe? No dia a dia, você acaba se acostumando, cria suas próprias regras, seus próprios horários, mas não tem sensação melhor do que voltar para casa depois de um mês, parece que você nunca saiu dali. No começo, minha mãe me ligava mais de 4 vezes no dia (quando eu me perdi então!! Meu celular tava descarregado, aí já viu o desespero), agora eu que tenho que pedir pra ela me ligar, porque tem dia que nem lembra da filha kkk. Sinceramente, achei que ia ser mais difícil lidar com a ausência, até que aguentei de boa, mas quando chegou o dia das mães, por exemplo, que eu não pude voltar pra passar junto com minha mãe... dei no zói. Eu já sou chorona por nada, com motivo então... CHOREI MESMO!

Desapegar dos meus cachorros também foi bem complicado, quem me conhece sabe como sou louca por eles, e já tô agoniada pra poder criar um comigo. Com um cachorrinho em casa é impossível se sentir sozinha né? 

Com a faculdade, fazer novos amigos não foi muito difícil, na segunda semana você já tem aquele grupinho, já se identifica mais com uns e outros, o chato é que em capital tudo é muito longe, então cada um mora num canto, mas a gente se vê todo dia do mesmo jeito. Além de conhecer pessoas no condomínio também (na primeira semana, na volta de casa pra faculdade, descobri que uma das minhas colegas de sala da primeira faculdade morava no andar de cima do prédio que eu moro, então isso já foi um motivo para a gente se tornar amigas) e ao mesmo tempo mantendo contato com meus amigos aqui de Jequié também, whatsapp ta aí pra isso gente, manter por perto quem a gente tem longe.

Ahh... sobre a vida sentimental, então.. eu tô solteira né gente kkkkkkk tô bem tranquila em relação a isso, então acho que não tenho muito o que especificar sobre esse assunto. Mas se estivesse namorando, acho que ia conseguir lidar bem com a distância, é claro que às vezes o relacionamento fica mais complicado, exige uma confiança maior de ambas as partes, mas nada impossível. Hoje tem muitas ferramentas para você não se sentir tão longe do seu amor, whatsapp, skype etc. É só se organizar, estabelecer horários e não neurar. Sem falar que você sempre volta, uma ou duas vezes ao mês e aí dá pra matar a saudade, além de que ele/ela pode passar uns dias com você também. No momento tô querendo focar mais nos estudos, dar um tempinho nisso de amor... mas nem sempre a gente consegue controlar tudo né?

É isso gente, acho que falei de tudo um pouco. Não dei muuitos detalhes por que o post ia ficar muito longo. Se quiserem que me aprofunde mais em algum assunto específico, podem pedir que faço um post assim que possível! 
Espero que tenham gostado. Adorei contar minha experiência pra vocês!

BEIJOS BEIJOS!

19 de agosto de 2015

Testei: Esponja Removedora de Esmalte Farmax

Fui comprar um removedor de esmalte e me deparei com essa belezinha: a Esponja Removedora de Esmalte da Farmax, que é mais um produto da série #acheinosupermercado e eu nem sabia que vendia por aqui. Já até tinha visto DIY de como fazer essa esponjinha e em algumas lojinhas on line. E é claro que comprei na hora! e usei na hora também kk
Custou um pouco mais que R$6,00. Ela é aromatizada com um cheirinho de uva muito gostoso, não possui acetona (que faz mal para as unhas), é muito prática e rápida na remoção de esmaltes, dispensando o uso de algodão. Além de cuidar das unhas e cutículas, pois contém óleo de girassol.

A proposta é a seguinte: Basta você colocar o dedo dentro de um pote com uma esponja embutida e embebida com removedor, girar por alguns segundos e prontinho, o dedo sai sem esmalte. Será que funciona mesmo?  
Gente! Esse negócio é mágico! O modo de usar é tão fácil quando usar algodão e sai tudinho mesmo! Cumpre a proposta direitinho. É só colocar o dedo, e tem uma esponja molhadinha dentro do potinho e esfregar um pouco, os dedos não ficaram manchados e o cheirinho de uva é uma delícia!

Minha única preocupação é se o esmalte que ficou lá dentro e sujou a esponja vai sujar meus dedos da próxima vez que usar, principalmente se for uma cor escura. E caso o removedor seque, pensei em lavar a esponja e usar outro removedor como refil.

Pra mim, o produto está APROVADO! Gostei bastante e recomendo!
*Esse era para ser um post em vídeo, até pra vocês verem como funciona, mas não aguentei esperar kk

BEIJOS!

18 de agosto de 2015

1.. 2.. 3... GRAVANDO | Que tal um vídeo?!

AAAAI QUE VERGONHA!!! Deixa eu escrever isso logo antes que eu me arrependa kkk  Então gente, aproveitando essa onda de novidades no blog.. hoje eu trouxe um post diferente pra vocês e não vou explicar da forma convencional... Gravei um vídeo rapidinho só pra testar mesmo uma coisa nova.

A qualidade do áudio e da imagem não estão lá muuuito boas, até por que gravei a noite, sem muitos recursos. Mas fiz com carinho pra vocês. Dá o play!


O que acharam do post de hoje? Me contem!
BEIJOS

13 de agosto de 2015

Ano novo, vida nova | Parte I: O Curso

A única pessoa que você está destinada a ser é aquela que você decide ser.
Frase um pouco fora de época? Sim, sim, concordo. Mas não tem outra que possa definir sobre o que vou falar no post de hoje, 2015 foi e realmente está sendo o ano de muitas experiências novas para mim. Como falei nesse post muita coisa aconteceu enquanto estive em off e que pouco a pouco explicaria tudo para vocês. E aproveitando o pedido de um(a) leitor(a), estou aqui.

"Queria pedir que fizesse um poster dizendo como foi conseguir o curso que vc sempre sonhou, como fez para alcançar suas metas, como conciliar estudos com família amigos e principalmente amor... gostaria que falasse sobre isso" Querido(a) leitor(a), seu pedido é uma ordem! 

Decidi dividir o post em 2 partes, essa que vou contar a minha saga para decidir o curso até estar de fato na faculdade e outra, que vou falar mais do lado emocional da coisa toda.

Em primeiro lugar sou muito grata a Deus por permitir que eu esteja vivendo tudo isso que foi muito além do que eu pude imaginar. E principalmente a meus pais, pelo apoio, pela confiança e pelo investimento em mim. Afinal, sem a ajuda deles, nada, nada disso seria possível. Eu realmente espero poder recompensá-los por todo esse esforço. vou guardar as palavras pra escrever nos agradecimentos do convite da formatura kkkkk

{O CURSO}

Desde pequena eu tinha na cabeça que o meu curso dos sonhos era Medicina Veterinária, mas depois de ter passado um semestre cursando Enfermagem, me desiludi um pouco. Parei para pensar: "nunca quis cursar Medicina, e Veterinária não deve ser muito diferente" a não ser claro que uma cuida de humanos e a outra de animais. E Arquitetura depois de um tempo, sempre esteve paralelo a isso, por conta dos desenhos, por me identificar muito com decoração, inclusive quero focar nessa parte futuramente.

Fiz o ENEM três vezes. Com a nota do primeiro, passei em Enfermagem na UESB (Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia), em Jequié mesmo e como falei acima, cursei por um semestre. O segundo, só fiz por fazer, pois ainda estava no meio do semestre de Enfermagem. Foi quando eu decidi jogar tudo para o alto, voltar para o cursinho e correr atrás do que eu realmente queria: Medicina Veterinária.

Deu tilt né? kkkkk eu sei, eu sei... Mas vou confessar uma coisa, se pudesse cursar os dois ao mesmo tempo, eu cursaria. e depois disso ficaria louca kkkk 

Também está com dúvidas sobre como escolher o curso certo na faculdade? Pode ler esse post do blog Cinderalizar.

Enfim, fiz o ENEM pela terceira vez e na hora de escolher o curso no SISU, meu coração estava completamente dividido, mas o fato de pensar que Veterinária não fosse muito diferente de Medicina e que eu não ia me dar bem com algumas matérias, ecoava em minha mente. Então coloquei lá na minha primeira opção Arquitetura e Urbanismo, no único lugar que tem aqui na Bahia, a UFBA o terror dos vestibulares. Como eu tinha certeza absoluta que não era páreo para a UFBA, corri atrás de outros meios né, usei a mesma nota no ProUni e consegui a bolsa integral para estudar na UniFACS que é uma faculdade particular de Salvador no curso de Arquitetura também. Enquanto isso, meu nome estava na lista de espera da UFBA, por que afinal a esperança é a última que morre.

Me mudei para Salvador, e comecei minha rotina na FACS, fiz meus primeiros novos amigos, já estava me acostumando com os novos professores e à realidade da faculdade e uma semana depois, mais uma vez, a vida me surpreendeu com uma aprovação na UFBA (Universidade Federal da Bahia).  EU, DOMINIQUE, PASSEI NA UFBA????? É ISSO MESMO PRODUÇÃO?

A notícia veio através de uma das colegas da Facs, que também estava na lista de espera. Eu, já desacreditada, nem me dei ao trabalho de olhar. GENTE, NÃO FAÇAM ISSO NÃO, OLHEM A LISTA DE ESPERA EVER!! Com Enfermagem foi a mesma coisa, fiquei sabendo por uma colega. Entrei no site e meu nome estava lá!! Eu não sabia se ria, se chorava, comecei a tremer, alguns amigos me ligaram para me dar os parabéns e eu em choque. É uma sensação indescritível. Eu que me subestimava, que não me achava capaz... e Deus me deu essa oportunidade!

Se tem alguém aí enfrentando esses dilemas também, não desista e acredite viu?! Acredite em você mesmo e tenha fé! Por que eu, a dois anos atrás não imaginaria nunca na vida que eu passaria por tudo isso e chegar onde cheguei, sei que ainda não estou nem na metade de tudo o que tem pra acontecer (metade?? só se for metade do semestre né, porque essa greve quebrou todo mundo kk)

No início, bateu aquela dúvida né: "e agora vou ou não?" Porque, afinal eu tinha bolsa 100%, estava numa boa faculdade também. Mas todo mundo me dizia "Nique, pensa no seu diploma! Federal é FEDERAL! Tem greve? Tem. Pode atrasar um pouco? Pode. Mas o conhecimento que você vai adquirir lá, as portas que vão se abrir para você, não tem comparação!"

Então eu fui, APAVORADA, mas fui e até agora tô sobrevivendo bem kkkk. Como entrei sem criar muitas expectativas, não sabia mesmo o que esperar do curso, mas até agora estou gostando. Na verdade, é muito mais artístico do que eu pensava, mas tem muita água, ou melhor, plantas, projetos, maquetes pra rolar ainda! 

No site Referência Arquitetura que acabou de entrar para os meus favoritos tem um post bem interessante explicando sobre o curso de Arquitetura, do que você precisa e tals, pra ver é só clicar aqui.

Ahhh, quase ia esquecendo! Para completar essa onda de surpresas, coloquei minha nota no SISU 2015.2 só pra ver se "um raio caia no mesmo lugar duas vezes", mas dessa vez para Med. Veterinária na UFBA também e meu nome saiu na lista da segunda chamada! Meu coração ficou bem dividido mas essa vai ficar para daqui a 4 anos.

É necessário sempre acreditar que o sonho é possível. Que o céu é o limite e você é imbatível!

11 de agosto de 2015

Adicionei na Playlist #7


10 de agosto de 2015

Como fazer: Fotos Polaroid para revelar

Relou pipous!! Que saudades que eu estava de postar aqui (quase um ano, podem brigar comigo). Muita coisa aconteceu enquanto estive fora e junto com as mudanças vieram várias ideias pra colocar em prática aqui também, mas por uma série de fatores (e um pouco de desleixo) acabei deixando pra lá.

Pouco a pouco quero explicar tudo pra vocês, mas hoje vim ensinar outra coisa aqui.

Câmeras instantâneas são um sonho de consumo para muitos amantes da fotografia, mas pra quem não tem? #comofaz? Continua lendo o post que eu te explico!
Muita gente vem me perguntando como faço pra revelar minhas fotos na moldura polaroid. E olha, não tem muito segredo não. Basta só um pouquinho de paciência.

Como não tenho Photoshop, uso um editor online, o PicMonkey. Ele tá em inglês, mas não precisa ser nenhum bilíngue pra mexer lá não kkkk é bem facilzinho de manusear e não precisa se cadastrar nem nada. O processo todo é feito em três partes.

{PRIMEIRA PARTE}
colocando a moldura

Passo1: Entre no site do PicMonkey e escolha a opção EDIT e em seguida escolha em seu computador a foto que deseja colocar na moldura. (dê preferencia às fotos quadradas, se for necessário, corte em CROP ou use as do instagram)


Passo2: Clique em FRAMES (você vai ver que é uma moldurinha) e em seguida escolha a opção POLAROID FRAME. Escolha sua moldura e ajuste a rotação/ROTATE para 0° e o efeito/EFFECT FADE para a porcentagem que desejar (prefiro 100%). Aplique e salve em seguida.

Repita esse processo quantas for necessário de acordo com a quantidade de fotos que você deseja colocar um moldura. Salve-as numa pasta.

{SEGUNDA PARTE}
fazendo os pares

Passo3: Reabra o PicMonkey, mas dessa vez escolha a opção COLLAGE e em seguida selecione todas as fotos que você editou anteriormente.

Passo4: Selecione o LAYOUT em DUCKS IN A ROW e escolha esse com dois blocos.

Passo5: Em BACKGROUND (que parece uma paleta), altere o espaço/SPACING para 0.

Passo6: Volte para PHOTOS e arraste suas fotos para cada um dos blocos, altere o tamanho do banner para 2504x1500 e salve. Repita esse processo quantas for necessário até todas as fotos estiverem em pares.
Suas fotos ficarão assim:
*Pra colocar algum texto na foto, clique TEXT ainda na primeira parte, é só escolher a fonte e escrever. Ou deixar para escrever a mão mesmo com um marcador permanente. Nas minhas coloquei hashtags relacionadas às fotos, como a gente faz no instagram mesmo.

{TERCEIRA PARTE}
redimensionando as imagens

Essa é a parte mais chata. Apesar de todos esses passos, no resultado final, as fotos não ficam na proporção certa para revelar (10x15) então temos que colocar uma borda extra.

Passo7: Ainda no PicMonkey, passe o mouse em DESIGN e depois CUSTOM, digite as medidas 1795x1205 e make it! 
"Dominique, não seria mais fácil colocar essas dimensões na segunda parte?" Infelizmente não. Podem até tentar se quiserem.

Passo8:(e último!) Vai aparecer um banner em branco. Clique em OVERLAYS, ou só na borboleta mesmo, dá no mesmo kkk e em seguida YOUR OWN. Selecione uma imagem das que você fez na parte anterior e ajuste ao tamanho do banner. 
Finalmente é só salvar e quando todas estiverem prontas, basta revelar e recortá-las para colocar no seu álbum, mural, etc

APRENDA COMO FAZER UM MURAL PERSONALIZADO PARA COLOCAR SUAS NOVAS FOTOS! CLIQUE AQUI.


**Se você tem o Photoshop, pode usar o PicMonkey só para colocar as fotos na moldura e a colagem fazer no outro programa.

Então galera, é isso! Espero que gostem do post e façam muitas fotos polaroid! Parece um pouco mais complicado do que realmente é, mas tentei explicar o mais claro possível, espero que vocês tenham entendido. Se surgir alguma dúvida, pode postar nos comentários ;)

Notaram que tem um layout novo também? Já tava na hora de grandes mudanças não é? O que acharam e o que esperam do blog numa possível volta?
BEIJOS